terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Eu apoio o Conclave de Washington

Maiores informações e doação em dólares: https://fundrazr.com/campaigns/cv1Qb/sh/a4NMif
Doações em reais via boleto bancário ou cartão nacional: http://www10.vakinha.com.br/VaquinhaE.aspx?e=337187

PARTICIPEM colaborando economicamente, divulgando, curtindo, compartilhando e comparecendo ao evento, um projeto do Dalmo Accorsini.

5338ceccf45d449cbe4807133c5a0780

Estaremos todos lá em defesa de nosso PAÍS!

E lá a imprensa não deixara de divulgar as exposições e debates.

Caindo na mídia internacional até a REDE GLOBO de TV terá que repercutir.

"O Conclave, que terá alcance internacional, busca congregar os líderes da oposição e ativistas políticos da América Latina para denunciar o Foro de São Paulo, organização comunista fundada por Lula e Fidel Castro em 1990, destinada a transformar todos os países sul-americanos em repúblicas comunistas similares a Cuba.

No Conclave também será denunciada a fraude eleitoral no Brasil, segundo informa a página do movimento no FundRarz, site destinado ao recolhimento de donativos para causas sociais, políticas, ambientais e motivos análogos.

A campanha no FundRazr foi criada pelo ativista Dalmo Accorsini, um brasileiro que há alguns anos vive e trabalha na Flórida, Estados Unidos, visando angariar donativos para ajudar a viabilizar o evento. As doações podem ser feitas a partir de qualquer país.

O já denominado “Conclave de Washington” também denunciará a empresa venezuelana Smartmatic, considerada “aparelho” para subverter a democracia na Venezuela, Nicarágua, Bolívia, El Salvador, Equador e Brasil.

O Conclave terá um webcast ao vivo e as pessoas poderão interagir com os participantes por meio do Skype em tempo real.

No final, concluindo o evento, será realizada uma conferência de imprensa denunciando o ataque comunista bolivariano e os países afetados pelo populismo e regimes autoritários, também conhecidos como “bolivarianos” ou “socialistas do século XXI”.

Segundo os organizadores, o Conclave para a Democracia, contará com a presença de personalidades políticas de relevo em nível global, como o ex-primeiro ministro da Espanha, José Maria Aznar; o ex-presidente colombiano e atual senador Alvaro Uribe; o ex-presidente mexicano Vicente Fox, o ex-governador da Flórida, Jeb Busch e o senador pelo Partido Republicano, Marco Rubio, cotado para concorrer à sucessão de Barack Obama.

Além dessas lideranças está prevista pelos organizadores a participação de outros nomes de destaque no cenário político regional e internacional.˜

3 comentários: